10 de dez de 2008

É experiência nova. Me expor. Caracóis fazem quando se sentem seguros. E são os dos meus cabelos. Abaixo a chapinha.
Sempre tive vontade de escrever mas não tinha coragem. E um dia a gente acha, não me pergunte de onde vem... É uma aventura. Nem sei direito se consigo.
Não espere muita disciplina. Quem me conhece, sabe. Meio anárquica, só faço se encontrar prazer. Borboleta. Leve, livre e exploradora.
Vamos juntos?
Passa uma borboleta por diante de mim
E pela primeira vez no Universo eu repar
Que as borboletas não tem cor nem movimento,
Assim como as flores não tem perfume nem cor.
A cor é que tem cor nas asas da borboleta,
No movimento da borboleta o movimento é que se move,
O perfume é que tem perfume no perfume da flor.
A borboleta é apenas borboleta
E a flor é apenas flor.
Fernando Pessoa